Viemos com a mala cheia de paz, amor, sorvete e outras coisinhas mais!

September 01, 2015

Desembarcamos no Brasil em outubro de 2014 e, desde então, estivemos próximos de pessoas que estão mudando São Paulo para melhor. Isso porque desde nossa fundação, em 1978, o Ben e o Jerry definiram que nunca estaríamos em algum lugar do mundo apenas vendendo sorvete. Teríamos sempre que gerar um impacto positivo, conectado com nossos valores, naquela comunidade.

Essa história ainda é fresca aos ouvidos dos brasileiros, mas lá na gringa acumulamos uma série de iniciativas ativistas e trabalhos sociais, desde projetos para reduzir o impacto de carbono até comprar nossos brownies de uma confeitaria onde qualquer pessoa que peça um emprego, seja ela um ex-presidiário ou uma pessoa em reabilitação, receba uma oportunidade justa de reinserção na sociedade. Sim, esses são os mesmo brownies que vêm no sorvete que você come aqui no Brasil! Inclusive, durante o movimento Occupy Wall Street, nós apoiamos a iniciativa através de um comunicado oficial e distribuímos sorvete para as milhares de pessoas que ocuparam o Zuccotti Park, em Manhattan, no protesto contra o sistema financeiro e a desigualdade social nos Estados Unidos.

FOTO 2 28229.jpg

Ben e Jerry distribuindo sorvetes durante a Occupy Wall Street. Crédito foto: Mary Altaffer / The Associated Press



Aqui no Brasil, inicialmente em São Paulo, a nossa missão social está totalmente voltada para os movimentos que estão transformando a cidade com a ocupação dos espaços públicos. Esse é o trabalho da nossa Kombi e de toda a equipe envolvida. A ideia é se aproximar, cada vez mais, dos grupos que já atuam com essa transformação. Tanto que o próprio Jerry, durante sua passagem pelo Brasil para inauguração da nossa loja, fez questão de visitar alguns deles pessoalmente, trocar uma ideia com os transformadores e ouvir dos próprios as soluções que propõem à cidade com suas iniciativas. Na Associação Parque Minhocão, Jerry demonstrou profundo interesse em apoiar o movimento que quer, ao invés de demolir, implantar um parque sob o Elevado Costa e Silva (Minhocão) assim que ele for completamente desativado para os carros.

FOTO 3 28229.JPG

Jerry conversa com o Presidente da Associação Parque Minhocão, Athos Comolatti | Crédito foto: Rodrigo Guima

 

FOTO4.jpg

Jerry com a bandeira do movimento. Crédito foto: Rodrigo Guima

 

Essa missão e iniciativa de ajudar aqueles que querem transformar São Paulo em uma “cidade para pessoas” tem uma grande ajuda do Rodrigo Guima, conhecido por usar arte e amor como elementos de transformação social em seus projetos, a exemplo do Aqui Bate um Coração. Ele é responsável por nos conectar com pessoas incríveis que estão nas ruas transformando a cidade. Por isso, ele é nosso Social Artist. Enquanto um artista tradicional usa suas habilidades criativas para expressar a sua visão sobre o mundo, como por exemplo pintar uma tela, um artista social usa suas habilidades para ajudar a promover e melhorar as comunidades através de iniciativas criativas.

H39A2482.jpg

Nossa principal ferramenta para essa missão é nossa Kombi, o ponto de contato que, semanalmente, roda a cidade e traz alegria e apoio aos movimentos. A ideia é que a Kombi seja um agente transformador e um suporte para ajudar os movimentos não só distribuindo sorvete, mas também buscando conscientizar a comunidade que se aproxima e convocando mais pessoas a se engajarem. Por isso, quando encontrar nossa Kombi por aí, além de descolar um sorvetinho na faixa, você também poderá ajudar os projetos com sua assinatura. Aqui no blog você vai conhecer estes movimentos e causas e acompanhar de perto o que eles propõem para São Paulo, além das andanças da nossa Kombi por aí!